DANIEL MILAGRE

A MINHA POESIA - A MINHA VIDA

domingo, 19 de novembro de 2017

POEMA ANJO DA PAZ E DA ALEGRIA

Foto de Daniel Cordeiro Costa.

ANJO DA PAZ E DA ALEGRIA

Anjo da paz e da alegria
Luz de registo espiritual
Virtude, sonho de cristalaria
Base romântica intelectual
Adorada sobremesa de artéria
Sensitiva e sentida espacial
 No reino do amor e da glória
No etéreo sobrenatural
Anjo da paz e da alegria
Eu e tu, unidade, elo triunfal
Voguemos sempre rumo à vitória
Procuremos eternamente, a pradaria
Que a felicidade seja hino eterno consensual
Glorifiquemos a harmonia
Essa fraterna paz, terno ritual
Anjo da paz e da alegria
Luz de registo espiritual

Daniel Costa


terça-feira, 14 de novembro de 2017

LIVRO SENHORA DO MAR

Foto de Literartura.
LIVRO SENHORA DO MAR

O preço de capa do meu livro SENHORA DO MAR é de 11.00 €uros para Portugal e 44 Reais para o Brasil.
Antecipe, lendo abaixo o que está escrito na contra do liivro.

CONTRACAPA SENHORA DO MAR
Neste livro poético - lusófono, cada poema tenta adentrar em realidades; de Portugal e Angola presenciais, em alguns casos vividas. Do Brasil alguns Mares posteriormente, localmente, não sugeriram alterações. Regra geral, sendo poemas românticos, cada tem num ou mais versos SENHORA DO MAR. Colectânea de poesia temática portanto.
Paradigmáticos são os poemas MAR DA SERRA DEL’REI e MAR DA SENHORA DA PENHA,  (João Pessoa - Brasil) aquele sendo poema de abertura. Serra de El’Rei vila e freguesia do concelho, cidade de Peniche, Leiria, Portugal, este mais no meio do volume. SENHORA DA PENHA, cidade de João Pessoa, Paraíba, Brasil, um santuário que o navegador português, Sílvio Sequeira deu início no século XVII, mandando erigir ali o primeiro templo.
Do autor
Pedidos: dan.costa@zonmail.pt
Ou telefone 9327695115
Envie morada para receber o livro com a indicação de como enviar o pagamento.
Daniel Costa

terça-feira, 7 de novembro de 2017

POEMA OLHEM A GRANDE NOTÍCIA


OLHEM A GRANDE NOTÍCIA

Olhem a grande notícia
Olhem o pregão de Lisboa cidade
Ontem a vendedeira delícia
Hoje a Web summit na sua astralidade
A importância da anuência
Da mais moderna aromaticidade
Olhem a grande notícia
Século XXI e a Lisboa de capacidade
De abertura ao mundo, tal como, teve a argúcia
No século XVI de iniciar a globalidade
A que aparece hoje a lhe conferir o mundo da ciência
Vera e bem noticiada dignidade
Olhem a grande notícia
De novo Lisboa reúne o mundo sem vaidade
Agora mais o Novo Mundo das caravelas; polivalência
Essa nova globalidade
A prever novo mundo do império da ciência
A nova e espontânea cumplicidade
Olhem a grande notícia
A Web summit, de Lisboa 2017, palco da mundial identidade
Venham ver a Lisboa da nova diplomacia

Daniel Costa